Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Pensamentos Nómadas

Nomadic Thoughts - Pensées Nomades - Кочевые Мысли - الأفكار البدوية - 游牧理念

Pensamentos Nómadas

Nomadic Thoughts - Pensées Nomades - Кочевые Мысли - الأفكار البدوية - 游牧理念

"Questionáveis" partilhas da AI Porto (EXTRA), por Luís Garcia

 Questionáveis partilhas da AI Porto  2

 

Luís Garcia POLITICA SOCIEDADE  

 

O início da incoerência da AI Porto

Há dias comentei uma questionável partilha da AI Porto com hiperligações de artigos meus onde se questiona e muito a pró-terrorista AI (ler "Questionáveis" partilhas da AI Porto). A AI Porto, em vez de acordar os olhos para a realidade, lendo os meus artigos sobre a pró-terrorista AI e lendo o meu artigo anterior sobre as patéticas incoerências da AI Porto... não, prefere enterrar a cabeça na areia, não me respondendo a uma série de questões e convites que lhes fiz. 

 

Aqui ficam os printscreens relativos ao meu comentário original:

 

2018-04-08 20-30-59 Screenshot.png

 

2018-04-08 20-37-10 Screenshot.png

 

 

2018-04-08 20-44-11 Screenshot.png

 

 

2018-04-08 20-45-54 Screenshot.png

 

2018-04-08 20-46-58 Screenshot.png

 

 

Amnistia Internacional: calar-se ou bloquear, eis a questão

UMA SÓ resposta da AI Porto recebi eu por mensagem privada, na qual se pode constatar os incríveis níveis de ignorância, de arrogância da ignorância (porque quem não sabe do que fala deveria ficar calado) e de pós-moderna incoerência. Diz-me Virgínia Silva (a pessoa que me respondeu em nome da AI Porto) que, por exemplo:

Hoje em dia, infelizmente, qualquer pessoas pode espalhar mentiras ou verdades devido à imensa força das redes sociais, por isso, mais do que nunca, é necessário averiguar e investigar a veracidade da informação e das fontes.

 

Ora nem mais! E por isso, fique quieta em fez de partilhar a disparatada colecção de mentira contida no artigo do expresso (ler aqui)! Pare, dona Virgínia Silva,  de espalhar mentiras! Pare, AI Porto, de espalhar mentiras! Ponham-se, dona Virgínia Silva e sua vergonhosa AI Porto,  a "averiguar e investigar a veracidade da informação e das fontes". Se o fizessem (partindo do princípio que são honestos humanistas), sentiriam uma infinita vergonha pela partilha que fizeram do artigo do Expresso! Por essa partilha e por muitas outras vergonhosas presentes no mural da página facebook da AI Porto!

 

Por isso e muito mais, pois claro, não pude de deixar de reagir, voltando a contactar a AI Porto por mensagem privada. Como passaram uns dias, e como sei que as mensagens foram vistas à dias (lidas do outro lado em simultâneo, enquanto eu escrevia), já deu para perceber que, perante a minha argumentação, a AI Porto não sabe o que dizer nem que fazer, e perdeu o pio.

 

 

Incrível, pois não só de indesmontáveis argumentos e factos tratavam as minhas mensagens. Mais, e bem melhor, nessas mensagens inclui um convite à AI Porto. Segundo o convite que lhes fiz, eu próprio escreveria um artigo aqui neste site pedindo desculpas à AI e à AI Porto se e só se: 

  1. Lessem os meus artigos sobre a AI;
  2. Fizessem uma lista dos erros/mentiras/falsas_acusações/etc que eu possa ter realizado;
  3. Fornecessem as provas que desacreditariam o que eu possa eventualmente ter dito de errado.

 

Nem assim! Irra, nem assim! Não respondem! E quem cala consente! Humanistas este pessoal da AI? Brincamos? Irredimíveis zombies amestrados! Não vêm, não sabem, não querem ver, não querem saber, e têm nojo e raiva de quem vê e saiba ou veja o que quer que seja que contradiga o seu imbecil mantra pró-imperialismo norte-americano. ! E posso me dar por feliz por não me terem ainda bloqueado! Agora responder? Isso não! Não porque, por um lado, não dá como ter razão (falta-lhes as provas e a razão em si), e, por outro, não sonhe o caro leitor com um mea culpa da AI Porto por ter falhado. Por ter mentido! Por ter enganado boa gente! Por ter enganado verdadeiros e honestos humanistas! Por fazer passar terroristas por vítimas e vítimas por terroristas! Nunca, jamais, como bem se pode ver pela reacção que estes vendidos sem escrúpulos tiveram às minhas últimas mensagens: NENHUMA! Enfim, leia a integralidade das mensagens contidas nos printscreens abaixo:

 

Slideshow 1

 

Slideshow 2

 

Como pode ver caro leitor, nem sequer podemos falar, neste caso, de erro inocente, ou erro por descuido. Errar é humano e naturalíssimo mas, ficar calado depois de receber conteúdo que prova ser vergonhosamente mentiroso e humanista o seu próprio "trabalho"... enfim!

 

Se ainda não está convencido da má fé da AI Porto, continuemos com 2 tópicos mais, um sobre uma parvalheira pós-moderna fora de contexto e, por fim, as duas novas partilhas da AI que provam que,não só não leram nem fizeram caso dos meus artigos que lhes envie sobre as mentiras em torno da Síria, como têm o descaramento de continuar com mais mentiras do género depois de terem sido encostados à parede sobre esse exacto assunto!

 

Da informação e sensatez nula, à incoerência e censura total

Isto sim é desconversa pós-moderna à descarada, de uma AI Porto que se diverte com números passados, ao calhas, de moeda ao ar, quando tanto se passa e tem passado nestes últimos dias. Massacres na Palestina, agravamento do massacre saudita no Iémene (apoiado pela AI Portugal), ameaças de um conflito global, criminosa agressão dos EUA, RU e França contra a Síria... Mas não, a AI enfia a mão na sacola, e tira de lá 4 rifas, desembrulha-as, e publica o que lhe saiu nas rifa, desta forma:

 

 

É claro que comentei isto, e não podia deixar de o fazer. O contraste entre a inutilidade fora de contexto desta publicação com estes números velhinhos, e os gravíssimos eventos dos últimos dias ignorados pela AI Porto é infinitamente gritante:

Slideshow 4

 

E claro que lhes mostrei isto:


Síria: Os media ocidentais e a admirável fraudedas "Armas Químicas" em Guta, por Vanessa Beeley

Síria: Os media ocidentais e a admirável fraude das "Armas Químicas" em Guta, por Vanessa Beeley

  

E não podia deixar de acrescentar esta peça de sarcasmo em tom de ofendido:

numeros pos-modernistas copy.jpg

 

Eu a preparar este artigo, e a AI Porto a publicar mais propaganda pró-terrorismo

 

 

 

Até vos explicava, caros manipuladores da verdade membros AI Porto, o que não faz sentido nestas 2 publicações, e inclusive provava com factos e raciocínio lógico a razão pela qual estas 2 publicações vos implicam directamente no apoio ao mais horrendo e inqualificável terrorismo (patrocinado pelo ocidente) que assola a Síria há 7 anos. Mas já deu para perceber que não vos interessa. Aliás, eu agora, depois de publicar este artigo, vou enviá-lo por mensagem privada à AI Porto, certo e segura de que nem sequer lerão o lerão, muito menos virem me exigir as tais provas e o tal raciocínio lógico. Mas vou fazê-lo no próximo artigo, que já estar a ser preparado, relativo ao terrorismo de estado dos EUA, França e Reino Unido que ocorreu há 3 dias atrás na Síria.

 

Ainda assim, para o leitor (e não para os anti-humanistas da AI Porto), deixo aqui um slideshow com as impressões de ecrã dos meus comentários a estas duas publicações. Para que o leitor possa ler o que respondi e o conteúdo que partilhei, assim como constatar o absoluto silêncio da AI Porto quando confrontada com as suas gritantes contradições:

 

Slideshow 4

 

 E também os links para as publicações que partilhei nesses comentários, não vá a AI apagar as suas 2 publicações:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

  

 

 

  

 

Luís Garcia, 15.04.2018, La Quinta, Tenerife, Espanha

 

 

 

 
Vá lá, siga-nos no Facebook! :)
visite-nos em: PensamentosNómadas